O Blog do Movimento de Moradores do Alto do Lagoal e Vale da Terrugem

Ponto de encontro e mobilização dos habitantes do Alto do Lagoal e Vale da Terrugem dirige-se, também, a todos os interessados pelas questões da cidadania e melhor qualidade de vida.
_______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


domingo, 12 de julho de 2009

FEIRA DE VELHARIAS E ARTESANATO EM CAXIAS




Uma manhã e uma tarde agradável da novíssima feira de Caxias a decorrer no Jardim das Palmeiras, perto da Estação Ferroviária.


Muitos de nós ainda se recordam das Feiras em época própria, marcadas pelo ritmo canónico ou das colheitas, que corriam os lugares do Concelho, abastecendo, divertindo e até embebedando os nossos ancestrais. Os tempos mudaram. Nós e os comerciantes, progressivamente, retomamos velhos hábitos. Agora vamos ao baú das memórias, materializado em peças velhas (discos de vinil, roupas, vidros, loiças, livros, prataria) e em artesanato urbano inspirado nos brinquedos de há cinquenta anos (o pião, o yo-yo, o boneco articulado).

Por umas horas, a agitação da praia (cheia de forasteiros), os restaurantes repletos e o regateio educado, pareciam ter acordado Caxias do seu torpor habitual e retomado, em crescendo, a imagem da terra que já foi de veraneio de realeza e burguesia.

2 comentários:

José António disse...

.

Olá Fernando Lopes!

Mais uma vez perdi a feira... :(
Não me foi possível lá ir (ir aí, para ser mais correcto).
Talvez para a próxima consiga. A ver vamos.

Gosto muito de velharias e sem ser um coleccionador de excelência - sou mais um 'ajuntador' - lá vou de vez em quando adquirindo algum objecto que me traz recordações de tempos idos da minha meninice.

post scriptum: Ao que me parece a vossa feira está a tornar-se um êxito. Ainda bem. Caxias merece algo que a faça mexer.

Abraço,
José António Baptista

.

Carlos Silva disse...

Eu estive lá e gostei.O dia esteve magnífico. Espero que os Caxienses não a deixem morrer. Voltarei no dia 9 de Agosto, com toda a certeza. Boa sorte e longa vida!